Boa parte dos casos de baixa conversão no televendas deve-se aos problemas no treinamento de Call Center.

É  importante lembrar que o treinamento é nada menos do que a base de todo o processo de vendas.

É um dos fatores cruciais para o atingimento das metas e do bom desempenho dos vendedores.

Você deve estar se perguntando: “O que há de errado no treinamento do meu televendas que tem impedido o aumento da minha taxa de conversão? Há problemas no treinamento de call center que eu ainda não consegui enxergar?”

Esteja certo de que não é apenas um problema, são vários. E as chances de cada um deles estar presente dentro do seu Call Center são enormes.

Se há problemas no treinamento de call center, dificilmente seus vendedores atingirão as metas estabelecidas. O que provocará não apenas um baixo resultado efetivo em vendas, bem como a falta de habilidade e comprometimento dos vendedores.
.

Listamos abaixo os 9 maiores problemas no treinamento de Call Center:

9 problemas no treinamento de Call Center:

1. Time disperso na sala de reunião

Este é um dos problemas mais prejudiciais no treinamento de Call Center.

Manter a atenção de inúmeras pessoas, com conhecimentos pré existentes diferentes, enquanto você tenta instruí-las em um ambiente fechado e muitas vezes turbulento devido às conversas paralelas, além de cansativo e estressante, acaba sendo pouco produtivo.

Sem falar nas novas gerações de profissionais que se “instruem” e aprendem sozinhos em frente ao Google e Youtube!

2. Excesso de slides do PowerPoint

O PowerPoint é uma das ferramentas mais utilizadas nos treinamentos de Call Center.

Entretanto é preciso ficar atento quanto ao seu uso ou ele acabará se tornando um dos seus maiores inimigos. O excesso de slides torna a apresentação do treinamento ‘robótica’ e intensifica o ócio e a distração dos treinandos.

É muito comum encontrar “instrutores” de call center que são somente locutores do conteúdo do PowerPoint, lendo slide a slide até o final.

3. Baixa aderência ao aprendizado

Veja bem, se o time está disperso com conversas paralelas e ainda existe excesso de conteúdo, é claro que a aderência e a efetividade do seu treinamento irá cair muito.

Um estudo realizado por psicólogos da Unifesp revelou que nosso cérebro se recorda com mais facilidade de algo que associamos a um contexto ou que tenha importância emocional (clique aqui para ler mais sobre a pesquisa).

Isso explica porque os novos modelos de treinamentos dinâmicos e onlines têm crescido absurdamente. Os mecanismos e ferramentas de jogos geram muito mais envolvimento entre a operação, sem precisar perder tempo (e dinheiro) com longos treinamentos em sala de aula.

4. Instrutores desconectados com as metas de venda e qualidade exigidas diariamente

Na maioria dos casos, os instrutores de treinamento do call center são focados apenas na capacitação comportamental dos vendedores e não são inseridos na operação, o que acaba dificultando o alinhamento com as metas e resultados exigidos.

Como precisam treinar várias turmas de vários assuntos diversos, acabam sendo superficiais no conteúdo, passando a percepção de: “Como este instrutor quer me ensinar algo se sabe menos do que eu?”.

5. Conteúdos fora dos padrões ou “distantes” do dia a dia

Como podemos perceber, um problema vai desencadeando o outro. Justamente pela falta de inserção e acompanhamento dos instrutores no âmbito de vendas, os treinamentos acabam sendo desatualizadoscarentes de técnicas e exemplos que realmente se aplicam à realidade.

6. Tempo perdido sem “vendas” com o time parado na sala de treinamento

Para a realização do treinamento em sala de aula geralmente é preciso interromper o trabalho de toda a equipe. Isso acaba ocasionando a perda de algumas horas de vendas que fará uma diferença significativa nas metas do dia/mês.

Todo o processo de “parar a venda, locomover até a sala, pausa, lanche, etc…” é tempo perdido!

7. Instrutores sobrecarregados na produção de PPT’s 

Além de ministrar treinamentos, os instrutores ainda são responsáveis por criar todo o conteúdo das aulas e mantê-los atualizados. Devido a todo esse fardo, os instrutores acabam ficando sobrecarregados e pouco produtivos, tornando o treinamento ainda menos efetivo.

8. Mudanças no mercado mais rápidas do que a velocidade de atualizar o PPT

O mercado muda constantemente e em um curto espaço de tempo, as ofertas e abordagens mudam e novas melhorias são feitas.

Entretanto, é quase impossível fazer com que os treinamentos sejam atualizados na mesma velocidade em que as mudanças ocorrem. A menos que você tenha um responsável disponível somente para a atualização dos ppt’s, o que custa caro e não é tão viável –  tornando os slides ultrapassados, com informações não redefinidas.

9. Custos da estrutura de treinamentos subindo

Quando você pensa em sala de treinamento, o que vem à sua mente? Uma sala com várias cadeiras confortáveis, um computador de alta tecnologia, um projetor moderno e um profissional capacitado para ministrar o treinamento da melhor maneira possível, correto?

Considerando o alto custo de toda a estrutura de treinamento, as constantes manutenções que DEVEM ser feitas e a atual crise econômica que estimula a redução de custos, manter uma ou mais salas de treinamento acaba se tornando um problema.

Conclusão

É inegável que você deve se atentar no treinamento para que assim você consiga gerar melhores resultados de vendas no seu Call Center.

Ninguém quer investir em algo sem retorno.

Agora que você já conhece alguns problemas no treinamento de Call Center, recomendamos a leitura do artigo: “aumente sua produtividade usando o Gamification em seu call center“.

Acreditamos que esse artigo te ajudará na busca por melhores resultados de vendas.

Boa sorte!